quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Capital

1. Apresenta um conceito de “riqueza”.
R: Riqueza é a porção de dinheiro que uma pessoa tem. e que não se multiplica, não é investida.
2. Distingue os novos-ricos dos novos pobres, relacionando-os com os conceitos de mobilidade social e desigualdade na repartição do rendimento. 
R: Novos-ricos, são as pessoas que enriquecem muito rapidamente nos anos de 1990/2000 com as bolhas das dot.pt.
3. Indica as actividades desenvolvidas pelos portugueses mais ricos em 2012, e compara-a com a lista de 2017Indica as alterações nas primeiras 5 posições deste ranking.
R:
1 – Família Amorim – 3.840 milhões de euros- GALP, Corticeira Amorim, Banca, Agricultura.
2 – Alexandre Soares dos Santos – 2.532 milhões de euros-Jeronimo Martins, Pingo Doce.

3 – Família Guimarães de Mello – 1.471 milhões de euros-Brisa, CUF, Efacec, EDP, Saúde, BCP...
4 – Belmiro de Azevedo – 1.311 milhões de euros- Sonae, Continente/Universo vendido ao BPI
5 – António da Silva Rodrigues – 1.038 milhões de euros- Grupo Simoldes
6 – Família Alves Ribeiro – 952,3 milhões de euros- Consultores, construção, Amoreiras Shopping.
– Fernando Figueiredo dos Santos – 664,6 milhões de euros
8 – Maria Isabel do Santos – 664,6 milhões de euros
9 – Fernando Campos Nunes – 575,3 milhões de euros
10 – Maud e Pedro Queirós Pereira – 569,2 milhões de euros
4. Distingue riqueza de capital.
R: Riqueza é a pessoa que tem muito dinheiro(exemplo: O João tem 1000000€, ele é rico) e capital é alguém que tem muito dinheiro mas que investe o dinheiro para conseguir ter mais.
5. Define os seguintes conceitos de capital: capital financeiro, capital técnico, capital circulante, capital fixo, capital social, capitais próprios, capital alheio, capital natural e capital humano.
R: Capital financeiro:é a soma do que se tem no banco com os valores adquiridos por meio de transacções financeiras como investimentos, compra e venda de acções, investimentos em fundos, imóveis, negócios, e muitos outros.
Capital técnico: conjunto de bens de produção que possibilitam que se produza bens de consumo.
Capital circulante: bens que são utilizados em apenas um processo produtivo; por exemplo, as matérias-primas 
Capitalfixo:aqueles que são passíveis de utilização em mais do que um processo produtivo, que pertencem ao imobilizado das empresas; é o caso da maquinaria utilizada na produção.
Capital social: montante de fundos colocados à disposição de uma empresa pelos seus sócios,  quer seja no início da vida da empresa, quer durante o desenrolar da sua actividade (aumentos de capital por entrada de dinheiro).
Capital Alheio:financiamento assegurado por terceiros, isto é, por pessoas ou entidades externas à empresa. Por isso mesmo, com taxas de remuneração e planos de reembolso associados. Podem ser de curto, médio ou longo prazo.
Capital Próprio: resulta do financiamento assegurado pelos seus proprietários e que, por norma, não tem associada qualquer contrapartida de remuneração. Em suma, o capital próprio não é mais do que o património líquido da empresa. 
Capital Natural: valor dos recursos naturais em relação a um produto ou serviço. A ideia é deixar de considerar tais insumos como ativos gratuitos e passar a fazer uma espécie de valoração dos mesmos, tratando-os como capital, nos mesmos moldes como tratamos recursos económicos.
Capital Humano: conjunto de capacidades, conhecimentos, competências e atributos de personalidade que favorecem a realização de trabalho de modo a produzir valor económico. São os atributos adquiridos por um trabalhador por meio da educação, perícia e experiência.
6. Utilizando as definições do ponto 5. classifica os seguintes itens:
a) poupança pessoal de um empresário que foi mobilizada para a actividade produtiva-Capital financeiro
b) valores financeiros dos proprietários da empresa, afectados à produção-Capitais Próprios
c) um empréstimo bancário que a empresa contraiu-Capital alheio
d) maquinaria, edifícios, matérias-primas e matérias-subsidiárias empregues no processo produtivo-Capital técnico
e) maquinaria, edifícios, etc. que são utilizados em vários ciclos produtivos (durante vários anos)-Capital fixo
f) matérias-primas, que são incorporadas no produto acabado, participando num único ciclo produtivo-Capital circulante
g) montante de recursos financeiros colocados à disposição de uma empresa pelos seus sócios-Capital social
h) recursos naturais-Capital Natural
i) factor produtivo trabalho-Capital Humano

7. Partindo da apresentação popular na Internet Suiça vs Portugal na perspectiva de um portuguêsrefere sobre a importância relativa dos recursos naturais, do capital humano, do enquadramento cultural e normativo e dos valores no desenvolvimento dos países.

Sem comentários:

Enviar um comentário